terça-feira, 2 de setembro de 2008

Yellow brick road


"350 quilômetros...350 quilômetros... pára um pouquinho, descansa um pouquinho... 360 quilômetros!"
E não se chega nunca.
Mas a gente é brasileiro e no desiste jamás.
Vamo lá, Theo! Força na peruca! Se joga, filho!
*tipos... dá pra perceber que ele ainda não se pronunciou, não?



3 comentários:

Carola disse...

Huahsuhsuhahuahuaaaa!! Da uma olhada lá no bloguinho, ó o q te espera! Vai com calma muié, vai dar td certo! Bjus!

Carol ou Kako disse...

ahuhauhuauhauh Tá tudo ótimo, ri muito, não tiro da cabeça o nariz do bozo kkkk, e no fim senti uma coisa assim, sei lá rsrs, acho que é hoje kkkkk BEIJÃO

MARINEWS disse...

Oi... meia noite no Japao, so passei para conferir a quantas anda a barriga-bebe mais famosa da cidade... Todos na torcida, coitadinho to Theo, eh pressao que ninguem merece. Entao deixa ele descansar ai gostoso e aguenta mais um pouquinho porque o que dizem por ai eh verdade: a gente sente MESMO falta desta barriga enorme, de ter o bebe protegido e de ser mae-sem ser mae (porque isso eh a gravidez, ne - voce tem um bebe mas ele nao da trabalho - so que nao faz voce se emocionar a cada minuto so de olhar para ele, eh maravilhoso este sentimento, nao ha nada igual). Estamos bem por aqui, em breve comeco o blog. Por enquanto acho que estou em ferias, tenho um programa para cada dia da semana. beijos milhoes, Tici